Colégio Web

Frans van Schooten

Publicidade

Matemático holandês nascido em Leyden, Netherlands, sucessor de seu pai, também um engenheiro militar e de mesmo nome, conhecido posteriormente como o velho, como professor de matemática na escola de engenharia em sua cidade natal (1646), onde se formara um grupo de matemáticos de notáveis contribuições a evolução desta ciência. Entrou na Universidade de Leyden (1631), onde estudou matemática profundamente. 

Ao visitar Leyden (1637) Descartes (1596-1650) encontrou-se com ele e este encontro foi muito importante em sua vida, porque o filósofo francês impressionado pelo nível daquele estudante, introduziu-o no Círculo de Mersenne, em Paris. Algum tempo depois ele foi ao exterior, viajando primeiramente a Paris e depois a Londres, onde permaneceu quase três anos (1641-1643).

Ampliou seus conhecimentos em matemática em contato os grandes mestres na matéria nesses dois centros e depois que retornou a Leyden, já com grande prestígio internacional, continuou a se corresponder com os principais matemáticos desses dois centros. Tornou-se assistente de seu pai (1643) e o substituiu como professor após sua morte (1645). 

Publicou os manuscritos de François Viète (1540-1603) em Leyden e tornou-se assistente (1643) de seu pai e quando este morreu dois anos mais tarde, foi indicado para a cadeira que, então, ficou vaga. Calvinista, tornou-se o principal divulgador e estabelecedor da geometria de Descartes ao publicar (1649) uma versão em latim, a linguagem científica da época, juntamente com material suplementar explanador, com o nome de La géométrie de Descartes.

Outra publicação notória de sua autoria foi Exercitationes mathematicae, sobre aplicações de álgebra à geometria (1656). Seu próprio livro La géométrie de Renée Des Cartes, publicado em dois volumes (1659-1661), continha apêndices escritos por três discípulos seus, a saber, Johan de Witt (1629-1672), Johan Hudde (1629-1704) e Hendrick Van Heuraet (1633-1660), nas versões mais ampliadas, e também em dois volumes, publicadas em seguida (1661, 1683 e 1695). Foi tutor e professor de Christian Huyghens (1629-1695), que se transformou em amigo, e de seu irmão. Nascido em Leyden, Países Baixos, faleceu na mesma cidade a 29 de maio (1660). Não deve ser confundido com seu pai, Frans van Schooten, o velho, que era professor na escola da engenharia em Leyden.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados