Colégio Web

Francisco de Melo Franco

Publicidade

Médico brasileiro nascido em Paracatu, Minas Gerais, que publicou um manual que pode ser apresentado como o primeiro dedicado exclusivamente à puericultura, contendo noções úteis aos profissionais e aos leigos: Tratado da educação física dos meninos, para uso da nação portuguesa, Academia Real das Ciências de Lisboa (1790). Ainda estudante, por suas idéias liberais, viu-se condenado e preso pelo Tribunal da Inquisição. Formado em medicina pela universidade de Coimbra (1786), tornou-se notável clínico em Lisboa.

Foi médico da Casa Real e tornou-se correspondente da mesma, em Lisboa, na Oficina da Academia Real das Ciências (1790). Mudou-se ´para o Brasil (1817), aportando no Rio de Janeiro acompanhando a princesa-consorte Leopoldina, aí se fixando. Morreu perto de Ubatuba, durante uma viagem marítima de Santos para o Rio de Janeiro. Também foi autor de Elementos de Higiene, Lisboa (1814), com três edições, e de outras obras de valia, inclusive uma sátira, O Reino da Estupidez (1785) e a mordaz Medicina Teológica, Lisboa (1794).

Observe-se que uma nova edição do Tratado de Educação Física, seria produzida muitos anos depois, por José Martinho da Rocha, em Nosso Primeiro Puericultor, Rio de Janeiro, Livraria Agir Editora (1946). Não se deve confundir com um livro com o mesmo título, publicado (1791) pelo médico de Lisboa, Francisco José de Almeida, barão de Almeida (1756-1844), que também foi publicado pela Academia Real das Ciências, mas de pouco sucesso no Brasil. Não confundir com o Coronel Francisco de Mello Franco, da mesma família, deputado à Assembléia Geral Legislativa, por Minas Gerais [1854-1856]. 

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados