Colégio Web

Francis Henry Compton Crick

Publicidade
Biofísico britânico nascido em Northampton, Northamptonshire, Inglaterra, um dos criadores da configuração helicoidal longa da estrutura do DNA, o ácido desoxirribonucléico, e com esta idéia ganhou o Prêmio Nobel de Fisiologia ou Medicina (1962), juntamente com o britânico Maurice Hugh Frederick Wilkins, da University of London. Estudou em Londres e Cambridge e começou a pesquisar em biologia molecular (1949) no Cavendish Laboratory. 

Iniciou estudos conjuntos (1953) com James Dewey Watson e propôs um modelo em espiral com dupla hélice para a estrutura molecular do DNA (1958), o material genético da maior parte dos seres vivos, representando um espetacular avanço no estudo da genética. O cientista fazia parte da equipe do Instituto Salk, da Califórnia, mas ganhou fama quando trabalhava no Laboratório Cavendish, em Cambridge, Inglaterra.

Pesquisando em dupla com Watson, publicou um artigo em que aparecia pela primeira vez a estrutura e sua duplicação em hélice do DNA (1953). Nos últimos anos vinha se dedicando a pesquisas sobre a base neurológica da consciência, enigma cuja solução vem se mostrando bem mais difícil que a estrutura do DNA. Aos 88 anos, vítima de um câncer de cólon, morreu no dia 19 de julho em um hospital de San Diego.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados