Colégio Web

Edward Calvin Kendall

Publicidade

Bioquímico estadunidense nascido em South Norwalk, Connectticut, que descobriu, isolou e sintetizou parcialmente a cortisona (1948), juntamente com seu colega de instituição Philip S. Hench (1896-1965), americano, o que lhes valeu a divisão em partes iguais do Prêmio Nobel de Medicina e Fisiologia (1950) com o suíço Tadeusz Reichstein (1897-1996) da Universidade de Basiléia, também com 1/3 do prêmio. Foi formado na Columbia University, onde obteve os graus de Bachelor of Science (1908) e Master of Science em química (1909) e foi (1909-1910) Goldschmidt Fellow da mesma instituição, obtendo seu Ph.D. em química (1910).

Foi (1910-1911) research chemist da Parke, Davis and Co., em Detroit, Michigan, U.S.A. período em que pesquisou sobre a glândula da tireóide e continuou este trabalho no St. Luke’s Hospital, New York (1912-1914). Em seguida passou a chefiar a Biochemistry Section da Graduate School of the Mayo Foundation, Rochester, pertecente a University of Minnesota. No ano seguinte (1915), após casar-se com Rebecca Kennedy; com quem teve dois filhos, foi nomeado Director da Division of Biochemistry e, subseqüentemente, Professor de Physiological Chemistry. Aposentou-se da Mayo Foundation (1951) e aceitou ser Visiting Professor do Department of Biochemistry at Princeton University, cargo que permaneceu pelo resta da vida. Além do Nobel recebeu muitos outros prêmios e honrarias e morreu em Princeton.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados