Colégio Web

David Wark Griffith

Publicidade

Ator e diretor de cinema americano nascido em Floydsfork, Kentucky, Estados Unidos, cujas inovações técnicas foram decisivas para a criação de uma linguagem especificamente cinematográfica, distinta dos padrões estáticos tomados de empréstimo ao teatro. Filho do coronel Jacob Griffith, que esteve no exército norte-americano durante a guerra contra México e foi herói sulista da Guerra de Secessão (1861). Depois da morte do pai, abandonou os estudos e tornou-se ator de teatro, até que o diretor Edwin S. Porter contratou-o (1907) para sua companhia de cinema. Um ano depois dirigiu seu primeiro filme, The Adventures of Dollie (1908).

Decidiu então, dar personalidade própria ao cinema e introduziu novidades como os movimentos de câmara, as ações paralelas e as tomadas em primeiro plano. Dirigiu, assim, o antológico The Birth of a Nation (1915), ambientado na guerra de secessão americana, uma obra que foi acusada de racismo. Com o sucesso do filme Intolerance (1916), fundou a United Artists (1919), em sociedade com Charles Chaplin, Mary Pickford e Douglas Fairbanks. Ainda dirigiu filmes de menor sucesso como Orphans of the Storm (1921) e Abraham Lincoln (1930), até que morreu em Hollywood, deixando o reconhecimento como um dos maiores diretores de todos os tempos e importante precursor da arte cinematográfica.
Ator e diretor de cinema americano nascido em Floydsfork, Kentucky, Estados Unidos, cujas inovações técnicas foram decisivas para a criação de uma linguagem especificamente cinematográfica, distinta dos padrões estáticos tomados de empréstimo ao teatro. Filho do coronel Jacob Griffith, que esteve no exército norte-americano durante a guerra contra México e foi herói sulista da Guerra de Secessão (1861). Depois da morte do pai, abandonou os estudos e tornou-se ator de teatro, até que o diretor Edwin S. Porter contratou-o (1907) para sua companhia de cinema. Um ano depois dirigiu seu primeiro filme, The Adventures of Dollie (1908).

Decidiu então, dar personalidade própria ao cinema e introduziu novidades como os movimentos de câmara, as ações paralelas e as tomadas em primeiro plano. Dirigiu, assim, o antológico The Birth of a Nation (1915), ambientado na guerra de secessão americana, uma obra que foi acusada de racismo. Com o sucesso do filme Intolerance (1916), fundou a United Artists (1919), em sociedade com Charles Chaplin, Mary Pickford e Douglas Fairbanks. Ainda dirigiu filmes de menor sucesso como Orphans of the Storm (1921) e Abraham Lincoln (1930), até que morreu em Hollywood, deixando o reconhecimento como um dos maiores diretores de todos os tempos e importante precursor da arte cinematográfica.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados