Colégio Web

David Lloyd George

Publicidade

Político reformista inglês nascido em Manchester, cujas reformas sociais realizadas no seu governo, provocaram forte reação dos conservadores britânicos mas forneceram as bases para o bem-estar usufruído mais tarde pela sociedade britânica. De uma família de classe média e batista, formou-se em advocacia e tornou-se membro do Partido Liberal, em Londres. Ingressou na Câmara dos Comuns (1890), onde se destacou como orador. Foi nomeado presidente da Junta de Comércio (1905) e, três anos depois, ministro da Fazenda. Propôs reformas sociais que atraíram ferrenha oposição da aristocracia e originaram a crise constitucional que terminou por reduzir o poder da Câmara dos Lordes.

Nos anos instituiu no Reino Unido um sistema de previdência social que protegia especialmente os pobres. Com o início da primeira guerra mundial, foi nomeado ministro das Munições (1915) e, o ano seguinte, primeiro-ministro. Na chefia de um gabinete de coalizão, dirigiu com energia a política de guerra do Reino Unido e, ao fim do conflito, negociou a paz com a Alemanha. Reconheceu a independência da Irlanda (1921), fato que provocou a perda do apoio dos conservadores e a queda do gabinete de coalizão (1922). Aandonou a vida pública e passpu a escrever livros sobre sua experiência política. Morreu em Ty-newydd, perto de Llanystumdwy, País de Gales, tendo sido postumamente, elevado à nobreza, com o título de conde.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados