Colégio Web

David Du Bose Gaillard

Publicidade

Oficial do exército e engenheiro norte-americano nascido em Sumter County, South Carolina, que assumiu a construção do Canal de Panamá, entre Gatun e Pedro Miguel (1908). Formou-se na U.S. Military Academy (1884) e, depois de estudar dois anos e meio na Engineer School of Application, entrou no U.S. Army Corps of Engineers, e trabalhou em rios, portos, fortificações, fronteiras, aquedutos e represas em vários estados até o início de guerra com a Espanha (1898), quando foi nomeado comandante do terceiro U.S. Volunteer Engineers. Foi escolhido para servir no novo Army General Staff (1903). O corpo de exército de 44 oficiais também incluiu George Washington Goethals que posteriormente se tornaria seu superior como engenheiro-chefe na construção de Canal do Panamá (1907).

Com a esposa, Katherine, seguiu para a cidade de Culebra, onde Goethals reorganizou o esforço de construção das 32 milhas, de Pedro Miguel Locks à Represa de Gatun, incluindo o Corte de Culebra (1907-1913), onde trabalharam cerca de 6 mil homens. Promovido a tenente-coronel (1909), conduziu com sucesso um exército de trabalhadores e máquinas que completou uma tarefa aparentemente insuperável. O corte foi enchido com água e o Canal de Panamá abriu quase um ano depois, no dia 15 de agosto (1914), seis meses antes do previsto. Porém ele não viu esta inauguração, pois vítima de um tumor no cérebro e depois de cirurgia e tratamento de hospital, ele morreu em Baltimore no dia 5 de dezembro (1913), com apenas 54 anos e após ter sido promovido a coronel um mês antes. Em sua memória o famoso Corte de Culebra foi renomeado Corte de Gaillard (1915).

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados