Colégio Web

Adolphe Marie Carnot

Publicidade

Químico francês nascido e morto em Paris, membro da Académie des Sciences (1895), sobrinho de Sadi Nicolas Léonard Carnot (1796 – 1832), notável físico francês, filho de Hippolyte Carnot, e irmão de Sadi Carnot (1837-1894), presidente da França (1887-1894). Entrou para a École Polytechnique (1858), graduou-se (1860) e juntou-se ao Corps des Mines.

Foi ativo tanto nas carreiras da área profissional como na política. Sua carreira como engenheiro foi marcada inicialmente por seus serviços no distrito de Limoges, França (1864-1867). Depois abraçou o magistério e foi professor da École des Mines (1868-1901) e diretor de l’École Nationale des Mines (1901-1907). Ensinou química geral (1868-1877), química analítica (1877-1901) e geologia (1876-1901). Durante este período ele foi nomeado Ingénieur en Chef des Mines (1881) e Inspecteur Général des Mines (1894).

Tornou-se membro da Académie d’Agriculture (1884) e da Académie des Sciences (1895). Além da carreira administrativa, ocupou os cargos seguintes: Conseiller Général de la Charente (1898), Président du Conseil Général (1902-1908) e Président de l’Alliance Républicaine Démocratique (1901-1920). Durante sua vida treinou um número grande de engenheiros e publicou numerosos artigos em diários especializados e um importante tratado sobre análise de substâncias minerais, o Traité d’analyse des substâncias minérales (1898).

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados