Colégio Web

Nutrição e atividades físicas

Como o esportista cuida da nutrição

Alimentação e líquidos para a hora da atividade físicaSe no Ensino Fundamental a prática de Educação Física é uma verdadeira diversão, no Ensino Médio ela continua divertindo, mas já alertando para outras importantes questões do condicionamento físico humano.

Publicidade

Um dos aspectos a serem abordados pelos professores diz respeito à nutrição esportiva. E não pense você que a nutrição esportiva está recomendada apenas para atletas profissionais.

Na verdade, ela influencia em todos aqueles que praticam alguma atividade física, com modalidade e intensidade variadas. Isso acontece porque o desempenho em qualquer esporte também vai depender de uma alimentação balanceada.

A prática de exercício físico independe da idade, mas a alimentação é preponderante em qualquer período da vida. Os ritmos também são diferenciados, mas o importante é manter o corpo ativo, para também colher bons frutos para a mente.

Quais os critérios de nutrição a serem observados?

Em qualquer esporte é importante cuidar da nutrição.A avaliação de um médico é essencial antes de qualquer prática esportiva. Ele irá avaliar se o paciente tem condições de partir para a corrida, ou deve aventurar-se para a prática de natação. Também analisará com quais frequências devem ocorrer as atividades.

Em seguida, vem a preocupação e os cuidados com a alimentação, com a parte dos nutrientes necessários para que esse novo corpo exercitado possa reagir em perfeita combinação e saúde.

As necessidades individuais e as específicas da saúde de cada um são os aspectos mais observados na hora de pensar a nutrição esportiva. Nesse sentido, algumas recomendações dizem respeito a:

  • Nível de nutriente necessário para o pleno desenvolvimento da prática esportiva escolhida.
  • Prática alimentar mais recomendada, para que não se tenha carência de determinado nutriente e conseguinte patologia.
  • Observação do nível e manutenção das massas musculares e níveis de gordura suficientemente adequados.
  • Em atividades de exposição ao sol, ou mesmo aquelas que fazem com que o nível de água seja reduzido, a hidratação é mais que essencial. A perda de água durante a atividade física interfere na regulação da temperatura e pode, de forma prejudicial, impactar em toda uma prática saudável. Nesse sentido, o ser humano deve ingerir até 600 ml de água antes de iniciar a prática esportiva ou atividade física. Durante os processos, torna-se necessária a ingestão de até 250 ml em intervalos de 15 minutos.
  • Para aqueles indivíduos que transpiram muito, pode-se utilizar o mecanismo de bebidas isotônicas. Esse tipo de líquido vai conter uma maior quantidade de sódio e também alguns outros minerais. Os especialistas alertam, entretanto, que esse tipo de bebia não deve ser tomado deliberadamente em momentos diversos, pois concentram um maior poder calórico, que não se adequa à prática de atividade física. Ou seja, fazer uso moderado.
  • O uso de carboidratos a cada 15 minutos e mesmo antes da atividade física também é bastante recomendado. Essa sugestão pode ser materializada por meio de uma fruta, um biscoito saudável ou outra fonte de carboidrato. É assim que se mantém um bom nível de combustível para suportar as queimas calóricas durante o processo da atividade física.

Essas são algumas questões do aspecto nutricional para quem é iniciante ou já bastante acostumado ao processo de atividades físicas. Outros detalhes mais aprofundados devem ser questionados junto ao médico ou nutricionista, profissionais especializados da área.

O importante, seja na escola ou em outros espaços, é não dar vez ao sedentarismo e cuidar diariamente da saúde física e mental.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados