Colégio Web

Origem e detalhes do cubismo

Publicidade

Para entendermos o que é o cubismo e qual a importância desse movimento, é fundamental retratarmos a situação histórica em que aconteceu.

Foi por volta do século XX que o cubismo teve o seu surgimento, influenciando artistas em todos os segmentos das artes. Todo movimento traz mudanças de comportamento e de entendimento nos aspectos sociais, políticos e culturais.

Foi durante esse período que ocorreu a Primeira e a Segunda Guerra Mundial gerando nas pessoas o sentimento nacionalista, criando novos movimentos com pensamentos ideológicos distintos. De outro lado, o crescimento da Indústria e do outro, a instabilidade dos países com as consequências das guerras. Nas artes, despertava-se a vontade de renovação dos padrões acadêmicos, criação de novas linguagens com maior clareza e menos conservadorismo. Assim foram surgindo as vanguardas com o objetivo de renovar os padrões existentes.

Cubismo

As pessoas crescem com as mudanças e com as renovações, a história precisa de pessoas que pensam e que mudam os padrões com sabedoria e de forma criativa. Os artistas possuem uma forma especial de expressar seus sentimentos e os acontecimentos ocorridos em determinada época. Vamos conhecer os artistas dessa época e o que quiseram expressar ao mundo.

O cubismo nas artes

O cubismo foi um movimento que revolucionou as artes. Teve seu início por volta do século XX com influência em todos os segmentos das artes. Nas artes plásticas, ele teve como seus fundadores Paul Cézanne, mais tarde Pablo Picasso e Georges Braque.  A história conta que o início do cubismo foi a partir da pintura de Pablo Picasso “Les demoiselles d’Avignon” em 1907, que reproduzia as formas geométricas e a superposição das figuras numa mesma obra. Mas antes disso, Paul Cézanne  já reproduzia em suas obras as formas geométricas por meio de formas da natureza, representando as partes das figuras pelo todo de forma bidimensional.

As artes literárias sofreram grande influência de escritores como Guillaume Apollinaire, Vladimir Maiakovski e John dos Passos. Na literatura, o cubismo tem seu maior objetivo com a ruptura da linguagem conservadora em troca de uma linguagem sem normas, sem verso e rima (métrica); as palavras ficam mais soltas e se misturam com as formas.

A representação do cubismo

Cubism

O cubismo foi representado pelas formas geométricas que expressam as formas da natureza como cones, esferas, cilindros, triângulos, círculos que não representam a forma real das coisas. Podemos observar a figura de várias formas em um mesmo plano visualizando a estrutura das figuras e objetos interagindo entre linhas retas com movimento de seus ângulos sobre pontos diferentes. Observamos a visão do todo pelas partes e vice-versa.

No Brasil, o artista de grande influência nessa época foi Oswald de Andrade.

Recomendados para você

Comentários

+ Artigos relacionados